Design sem nome (4)

Escadaria Djanira Lima é tombada como Patrimônio Histórico e restaurada

Não é novidade que as escadarias do Centro de Vitória são parte da história capixaba e estão entre as ricas belezas que encantam quem passa ou vive na cidade a cidade. A Escadaria Djanira Lima, que liga a Avenida Jerônimo Monteiro à rua Wilson de Freitas, foi restaurada e, além disso, tombada como Patrimônio Histórico da Cidade.

Por sua relevância histórica e cultural, foi homologado o tombamento municipal da Escadaria Djanira Lima, em maio deste ano, por meio da Resolução Nº 009/2024, do Conselho Municipal de Política Urbana – CMPU.

Os projetos de restauro e de reforma foram elaborados pela Secretaria de Desenvolvimento da Cidade (Sedec).

“Uma das nossas metas em relação ao centro é fazer esse tipo de trabalho de forma constante, garantindo que as escadarias, que são importantes para o contexto histórico da cidade, estejam sempre preservadas e com manutenção garantida. Se tornando, assim, mais um atrativo turístico e também garantindo a memória afetiva e cultural das pessoas”, disse o Secretário de Desenvolvimento da Cidade e Habitação, Luciano Forrechi.

A escadaria, que liga a avenida Jerônimo Monteiro à rua Wilson de Freitas, foi construída em estilo eclético em 1929, pelo engenheiro Moacyr Avidos, filho do então governador Florentino Avidos. Sua construção, assim como as outras escadarias da cidades, marca a modernização do início do século XX na capital.

A construção das escadarias, incluindo a Djanira Lima, veio ao encontro de uma necessidade de melhoria dos acessos entre a Cidade Alta e a Baixa, já observada nas primeiras décadas do século XX. Até os dias atuais elas constituem importantes conexões entre as regiões.

(DA REDAÇÃO \\ Guth Gutemberg)

(INF.\FONTE: André Pietralonga \\ Divulgação)

(FT.\CRÉD.: Internet \\ Divulgação)